Translate

Google+ Badge

quinta-feira, 14 de agosto de 2014

Ser professora...

Olá pessoal!
Antes de iniciar nossos estudos, venho valorizar minha profissão, que muitos criticam. Tenho orgulho de estudar pedagogia e ser uma professora, devemos nos valorizar, pois se estamos nessa área é por que gostamos e estamos por amor. Quem está insatisfeito muda de profissão, pois o professor ele tem um grande poder, de ajudar crianças ou estragá-las. O meu maior prazer é acompanhar o desenvolvimento de cada criança, é saber que eu estive presente em momentos únicos de sua vida, como escrever o nome pela primeira vez ou presenciar a empolgação ao descobrir algo novo. 
Quando falamos somos professoras de educação infantil, logo vem a frase "Então você não trabalha, só brinca." Mal sabem a importância do brincar para o desenvolvimento da criança. Vários pesquisadores como Wallon, Vygotstky e Piaget em seus estudos, mostram que o brincar desenvolve a criança em todos os aspectos como social, afetivo e cognitivo. (Em nossos estudos veremos com mais clareza isso)
Quando pensamos na educação do Brasil, colocamos culpados, questionamos os políticos, brigamos por recursos, reclamamos de salário, transparecemos para os alunos nossa insatisfação, porém eles não tem culpa, devemos aproveitar o pouco que temos e fazer nossa parte para oferecer aos nossos alunos o prazer pelos estudos.
Sou muito feliz em minha profissão, sei que só estou no começo, mas sei onde quero chegar. Vamos buscar juntos e priorizar os alunos não os problemas, pois problemas sempre vão existir, mas uma criança desestimulada hoje e um adulto frustrado amanhã.

“Quando vejo uma criança, ela inspira-me dois sentimentos: ternura, pelo que é, e respeito pelo que pode vir a ser” Jean Piaget

Nenhum comentário:

Postar um comentário